Terça, 23 Janeiro 2018 | Login
Ao longo do ano a OSESP apresentará 112 concertos sinfônicos, incluíndo programas da série de assinaturas e concertos gratuitos, além de cinco concertos do Coro da Osesp, quatro programas do Quarteto Osesp e 11 recitais. Ao todo serão 134 apresentações na Sala São Paulo!
 
 
 
 
 
A Temporada Osesp 2018 – Natureza dos Sons
tem sua inspiração em dois dos mais importantes elementos
de formação da cultura brasileira: a natureza e a música.
 
 
Sobre a escolha desse tema, o Diretor Artístico da Osesp, Arthur Nestrovski, explica: “Poucas culturas têm riqueza natural como a nossa; e poucas também, semelhante patrimônio musical, com enorme variedade de gêneros e estilos. (...) É bem verdade, no entanto, que a música, tanto quanto a natureza, vem sendo ameaçada, de muitos modos, nesse período tão complexo. Cuidar da música, como cuidar da natureza, vai-se tornando, mais do que nunca, exercício de convicção: uma prática diária de persistência, em tempos de crise.”
 
Para a Osesp, esse “exercício de convicção” tem se realizado ao longo de toda a sua trajetória, há mais de 60 anos, e continua pela Temporada de concertos na Sala São Paulo em 2018, com 32 programas de assinatura e 134 concertos no total, sendo 112 sinfônicos, 15 de câmara e sete corais. 
 
Muitas são as iniciativas do Governo do Estado de São Paulo, por intermédio da Secretaria de Estado da Cultura, para a divulgação e ampliação de plateias da música clássica, com realização da Fundação Osesp. A começar pelos Concertos Matinais Gratuitos, que acontecem sempre aos domingos de manhã na Sala São Paulo, com apresentações da Osesp e de orquestras parceiras. Somam-se a estes os Concertos Digitais, transmitidos para  milhares de espectadores gratuitamente pela internet; os Ensaios Abertos da Osesp, com ingressos a preço reduzido (R$ 10); e ainda os projetos fonográficos, que incluem os lançamentos pelo Selo Digital Osesp, para audição e download gratuitos. 
 
Fundamentais, ainda, são os projetos educativos, como o Descubra a Orquestra, que recebe crianças e adolescentes de escolas públicas para concertos gratuitos na Sala São Paulo; e a Academia de Música da Osesp, que investe na formação e na profissionalização de jovens músicos de orquestra e coro.
 
Nessa Temporada, atendendo ao objetivo de contribuir, ainda mais, para o fácil acesso à música clássica, uma nova ação foi criada: a Fundação Osesp oferecerá em todos os programas uma grande quantidade de ingressos ao preço do Vale Cultura (R$ 50), ao longo de todo o ano, tanto no setor do Coro como no setor superior; e ainda programou a série especial Grandes Clássicos, com quatro concertos regidos por Isaac Karabtchevsky, com preço único de R$ 50 (por apresentação), em todos os lugares da Sala.
 
Falando ainda sobre a preocupação constante com o acesso do seu público à sala de concertos, junto ao anúncio recente de renovação da Praça Júlio Prestes pelo Governo do Estado, a Fundação traz uma novidade importante para a próxima Temporada. A partir de 2018, os concertos noturnos terão início às 20h30, às quintas e sextas-feiras; e os concertos de câmara, aos domingos, terão início às 19h. Já os concertos de sábado à tarde permanecem no horário das 16h30.
  
 
 
 
DESTAQUES DA TEMPORADA
 
Em 2018, a Série Sinfônica da Osesp terá 112 concertos – sendo 12 deles gratuitos –, além das séries de câmara e do Coro. Duas séries inteiramente gratuitas são destaque da programação: o festival Viva Villa! (em fevereiro, antes da abertura oficial da Temporada), com seis concertos seguidos, três destes sob a batuta de Isaac Karabtchevsky, celebrando o término das gravações da integral das 11 Sinfonias de Villa-Lobos; e a Maratona Mozart (em outubro), com cinco concertos regidos por Neil Thomson, com sinfonias do celebrado compositor austríaco, e tendo como solistas os ganhadores do Concurso Jovens Solistas da Osesp.
 
Outros destaques são as sequências integradas de concertos que acontecem ao longo de toda a Temporada 2018, a começar pela série integral das Sinfonias de Beethoven, regidas por Marin Alsop (Diretora Musical e Regente Titular da Osesp), Valentina Peleggi (Regente em Residência da Osesp) e mais sete maestros convidados, entre eles Nathalie Stutzmann (Artista Associada 2016-18), Louis Langrée e Arvo Volmer; e as séries especiais Rossini – 150 Anos de Morte e Stravinsky Essencial (incluindo os três grandes balés modernistas do autor).
 
O Artista em Residência será o flautista franco-suíço Emmanuel Pahud e o Compositor Visitante, o francês Philippe Manoury. O Músico Homenageado será Marcos Thadeu, preparador vocal do Coro da Osesp e Regente Titular do Coro Acadêmico. 
 
Entre os solistas internacionais, a Osesp recebe muitos pianistas – Nikolay Luganski, Gabriela Montero, Steven Osborne, Pierre-Laurent Aimard, Tamara Stefanovich, Igor Levit e Roger Muraro –; além dos violinistas Pekka Kuusisto e Ning Feng; o violista Antoine Tamestit; e o trombonista Christian Lindberg (também como regente). Entre os solistas brasileiros, destaque para os pianistas Fabio Martino, Jean-Louis Steuerman, Lucas Thomazinho e Marcelo Bratke. Destaque ainda para o festival Piano Brasileiro, com concertos do Duo Gisbranco, Leandro Braga e Cristóvão Bastos, e André Mehmari.
 
Entre as obras inéditas está a estreia latino-americana de um concerto do compositor português Vasco Mendonça, pela parceria com a Fundação Gulbenkian de Lisboa, além da estreia mundial de três peças especialmente encomendadas aos compositores Ronaldo Miranda (que comemora 70 anos), Aylton Escobar e Caio Facó.
 
 
A programação completa já está disponível no site da Osesp e a versão digital para download do livro da Temporada será disponibilizada em breve.   [http://www.osesp.art.br/paginadinamica.aspx?pagina=temporadaosesp].
 
 
Pela primeira vez em turnê solo no Brasil, as apresentações acontecem em fevereiro no Rio de Janeiro (dia 22, no Maracanã), São Paulo (dias 24 e 25, no Allianz Parque) e Porto Alegre (dia 27, no Beira Rio)
 
 
Um dos maiores músicos britânicos de todos os tempos está de volta, retornando ao palco nas primeiras apresentações ao vivo em 10 anos.
 
 
Em fevereiro de 2018, Phil Collins realizará uma turnê de um mês pela América Latina, incluindo visitas ao Brasil, México, Peru, Chile, Uruguai, Argentina e Porto Rico. O cantor e compositor terá ainda como convidada especial a banda anglo-americana PRETENDERS, que se apresenta nos shows da turnê, incluindo Rio de Janeiro, São Paulo e Porto Alegre.
 
 
Um dos artistas mais bem sucedidos de sua geração, com mais singles no topo das paradas britânicas do que qualquer outro artista da década de 80, Phil Collins chegou ao estrelato primeiramente como baterista e, em seguida, como líder do Genesis, fazendo sua estreia solo com o álbum Face Value, de 1981, que trouxe o mundialmente famoso  hit “In The Air Tonight”.
 
 
The Legendary Phil Collins LIVE – Brasil
22 Fevereiro 2018 – Rio de Janeiro, Brasil – Maracanã
24 Fevereiro 2018 – São Paulo, Brasil – Allianz Parque
25 Fevereiro 2018 – São Paulo, Brasil – Allianz Parque
27 Fevereiro 2018 – Porto Alegre, Brasil – Beira Rio
 
Os ingressos já estão à venda  em www.eventim.com.br
 
 
PROMOTOR
Move Concerts e Live Nation Entertainment
 
 
 

 

As peças ganhadoras e selecionadas pelo júri ficarão expostas a partir de 11 de novembro, sábado, das 10h às 18h, com entrada gratuita. No dia acontecerá também feira de livros especializada, encontro com a comissão julgadora e oficinas educativas
 
 31º Prêmio Design MCB, mais tradicional e prestigiada premiação do segmento do país, realizada desde 1986, inaugura a exposição com as peças ganhadoras e selecionadas pelo júri em 2017 no Museu da Casa Brasileira (MCB). A abertura será em novo formato e não haverá cerimônia de premiação, mas contará com feira de livros especializada em arquitetura e design, oficinas e foodtrucks, além de encontro com a comissão julgadora e os vencedores.
 
O Prêmio Design MCB é reconhecido em todo o Brasil por ser um celeiro de talentos e consagração de profissionais. O propósito da premiação é dar anualmente um panorama da produção brasileira em categorias que abrangem o design de produtos e a trabalhos escritos, acadêmicos e editorial ligados ao mercado.
 
Este ano, o Prêmio Design recebeu 587 trabalhos, que foram julgados por duas comissões independentes. Sob coordenação de Marcelo Oliveira, doutor em Arquitetura e Urbanismo, foram analisadas as categorias de produto: Construção, Transporte, Eletroeletrônicos, Iluminação, Mobiliário, Têxteis e Utensílios. Já a categoria de Trabalhos Escritos foi coordenada por Cibele Taralli, doutora em Estruturas Ambientais Urbanas e Milene Soares Cara, doutora em Arquitetura e Urbanismo.
 
Confira a programação de abertura da exposição:
 
- 10h às 18h – Visitação à exposição 31º Prêmio Design MCB
Estarão na mostra os 54 produtos e publicações premiados, divididos entre 1º, 2º, 3º lugares e menções honrosas, além das 48 peças selecionadas pelo júri.
 
- 10h às 18h – Feira de livros especializada
Durante a abertura da exposição do 31º Prêmio Design MCB, editoras focadas em design e arquitetura disponibilizarão suas publicações com descontos: Participam: Romano Guerra, Olhares, Gustavo Gili, estação das letras e Cores, Edições SESC, Ubu, Senac, Blucher, Monolito, Revista Projeto e Revista L+D.
 
- 10h30 às 12h – Oficina de Serigrafia – Educativo MCB
A artista Monica Schoenacker oferecerá noções básicas de serigrafia e, enquanto isso, o participante poderá estampar uma peça em um pano de prato para levar para casa. 
 
- 11h - Encontro da comissão julgadora e vencedores
Pode-se dizer que o tradicional encontro entre os jurados e os vencedores de cada edição é o momento ápice da abertura do Prêmio Design.
 
- 14h às 15h30 - Oficina de Papercut – Fedrigoni
A artista autodidata Ariádine irá ensinar um pouco do que aprendeu durante uma viagem de três anos pela Europa, com colagens e minuciosos recortes em papel – os chamados kiriês, uma técnica oriental originária da China, que consiste em formar figuras e desenhos em papéis com a ajuda do corte do estilete.
 
- 15h às 16h30 – Oficina Inutensílios – Educativo MCB
A atividade será inspirada no poema de Manoel de Barros, 'O Fazedor de Amanhecer', e tem como objetivo central a construção de novos objetos e utensílios para o dia a dia, feitos a partir de sucatas ou materiais que não são mais utilizados.
 
- 16h às 17h30 – Oficina de Encadernação – Fedrigoni
Os ministrantes Estela Vilela e Bruna Ximenes mostrarão como é feita a encadernação, que surgiu quando o comércio de livros no Japão se estabeleceu. A costura, que tem o nome original de Yamato Toji, é feita pelo dorso dos cadernos, sem uso de cola.
 
- 10h às 18h – Foodtrucks
Lanches, comidas vegetarianas, drinkes, doces e açaís. Confirmadas as participações de +55 FoodTruck Brasil, Dica Natureba, Choco Frut e Cubq.
 
 
 
Sobre o Prêmio Design MCB
O Prêmio Design MCB é realizado desde 1986 pelo Museu da Casa Brasileira. A premiação - a mais tradicional e prestigiada do segmento no país - revela talentos e consagra profissionais e empresas. O Prêmio é dividido em dois momentos principais: o Concurso do Cartaz e, em seguida, a premiação dos produtos e trabalhos escritos. Entre junho e agosto, o MCB recebe criações (protótipos ou em produção) nas categorias: Construção, Transporte, Eletroeletrônicos, Iluminação, Mobiliário, Têxteis, Utensílios e Trabalhos Escritos. Os trabalhos são analisados por duas comissões julgadoras independentes, uma para as categorias de produto e outra para trabalhos teóricos. Por fim, são escolhidos os premiados, divididos entre 1º, 2º e 3º lugares e menções honrosas, além dos selecionados que também compõe a exposição. Como resultado do Prêmio Design MCB, o Museu realiza uma mostra com os vencedores e selecionados de cada categoria da edição, que fica em cartaz por cerca de dois meses. 
 
 
SERVIÇO: Abertura do 31º Prêmio Design MCB
De 11 de novembro – entrada gratuita
Sábado, das 10h às 18h
Local: Museu da Casa Brasileira
Av. Faria Lima, 2.705 – Jd. Paulistano / SP
Tel.: (11) 3032.3727
Visitação: até 21de janeiro de 2018
 
 Brasil Game Show 2018 acontece de 10 a 14 de outubro em São Paulo
 
 
Responsável por uma das mais icônicas séries de jogos eletrônicos de luta participará da abertura do evento, de sessões de meet & greet, fará apresentações no BGS Talks, será jurado de concurso de cosplay e receberá dois prêmios na maior feira de games da América Latina, que acontecerá de 10 a 14 de outubro de 2018
 
 
A Brasil Game Show (BGS) já deu a largada para 2018 e anuncia sua primeira grande atração: Katsuhiro Harada, diretor dos jogos da série de luta Tekken, um dos criadores mais importantes da indústria mundial de games, estará na 11ª BGS, que acontece de 10 a 14 de outubro de 2018, no Expo Center Norte, em São Paulo. No maior evento de games da América Latina, os visitantes da feira poderão acompanhar e participar de uma série de atividades com a presença de Harada, como a abertura oficial do evento, sessões de meet & greet e apresentações no palco do BGS Talks. O famoso produtor japonês também será jurado de concursos de cosplays e receberá duas homenagens: o prêmio Lifetime Achievement Award e um lugar no Wall of Fame, ambas oferecidas apenas a lendas do setor, como Hideo Kojima, Phil Spencer, Ed Boon e Nolan Bushnell.
 
 
"A #BGS10 foi inesquecível e entrou para a história como a maior e mais importante edição até aqui. Trouxemos grandes nomes da indústria, apresentamos muitas novidades e batemos recordes de público, expositores, estações de jogos e lançamentos. Agora é o momento de partir para o 'next level', ou seja, o desafio é crescer ainda mais e entrar de vez para o calendário global dos mais importantes eventos mundiais de games", disse Marcelo Tavares, CEO e fundador da Brasil Game Show. "Estamos trabalhando muito para que a BGS 2018 seja ainda melhor e a participação do Harada inaugura uma série de grandes anúncios que faremos ao longo dos próximos meses", completou.
 
 
 
 
Ex-Fórmula 1 correrá ao lado do pentacampeão Cacá Bueno na Corrida de Duplas, que volta ao calendario
 
A Corrida de Duplas está de volta ao calendário da Stock Car em 2018. A prova que abriu as temporadas de 2014, 2015 e 2016 retorna no próximo ano e o primeiro nome confirmado entre os convidados é o de Felipe Massa, que será parceiro de Cacá Bueno na etapa. A prova será disputada em Interlagos no dia 10 de março, em um sábado.
 
Após uma passagem marcada pela conquista de diversas poles, pódios e vitórias em 15 anos de F-1, o brasileiro Felipe Massa volta a acelerar em Interlagos em março de 2018 em um novo desafio: pilotar o carro da Cimed Racing na abertura da temporada.
 
 
Anunciado hoje pelo atual time bicampeão da Stock Car, Massa destacou a participação especial na principal categoria do automobilismo brasileiro. Será a primeira prova de Felipe em uma competição nacional desde 1999 (quando foi campeão da Fórmula Chevrolet) e a primeira de carros de turismo desde 2002 (quando estreou na F-1).
 
“Fico honrado pelo convite e terei muito orgulho de fazer minha estreia na Stock Car em dupla com o maior campeão em atividade e meu grande amigo, Cacá Bueno. Além disso, a Cimed Racing, como atual bicampeã, é a equipe ideal para encarar um desafio como este, em uma categoria extremamente competitiva. Será especial reencontrar os torcedores brasileiros após minha emocionante despedida no GP Brasil, desta vez em minha primeira corrida após a F-1. Vamos trabalhar bastante para coroar esta participação com um bom resultado iniciando esta nova fase de minha carreira”, diz Massa.
 
Para Cacá Bueno, é um grande desafio e responsabilidade dividir o carro com o piloto que representou o Brasil na F-1 nos últimos 15 anos por times como Sauber, Ferrari e Williams.
 
“A Corrida de Duplas é um dos grandes momentos da Stock Car e dividir o carro com o Felipe (Massa), depois de todas as alegrias que ele nos proporcionou na F-1, será muito gratificante. É um nome que traz ainda mais visibilidade internacional para nossa categoria e com certeza vai trazer uma responsabilidade ainda maior para iniciarmos 2018 com muitas conquistas”, diz Cacá, dono de cinco títulos na Stock Car (recorde entre os pilotos em atividade).
 
"A oportunidade de ter o maior nome do automobilismo brasileiro na atualidade correndo na Stock Car é muito importante para o fortalecimento e projeção de futuro da categoria. O retorno da Corrida de Duplas permite uma aproximação de pilotos brasileiros e estrangeiros com a categoria e proporciona para o público uma experiência única, de ver grandes nomes do automobilismo correndo no Brasil", comentou Rodrigo Mathias, diretor geral da Vicar.
 
Esta será a quarta edição da Corrida de Duplas na história na Stock Car. Em 2014, Felipe Fraga e Rodrigo Sperafico foram os primeiros vencedores. No ano seguinte a vitória ficou com o dueto Ricardo Mauricio e o argentino Nestor Girolami, enquanto em 2016 Marcos Gomes e Antonio Pizzonia ficaram com primeiro lugar. Nomes de destaque no automobilismo mundial como Nelsinho Piquet, Lucas di Grassi, Jaques Villeneuve já integraram o grid da Corrida de Duplas da Stock Car. 
 
O calendário completo da temporada 2018 será divulgado nas próximas semanas.
 
“I Love Anos 80” - Jogos, vídeo games e brinquedos fazem parte do acervo
 
 
 
Quem nasceu e cresceu na década de 80 vai viajar no tempo numa exposição que segue até o final de janeiro no Iguatemi Esplanada. “I Love Anos 80” traz itens que vão cair no gosto de quem viveu a infância nos anos 1980, trazendo brinquedos, vídeo games e outros itens que marcaram uma das décadas com maior transformação na cultura pop.
 
 
São mais de 600 itens em exposição entre brinquedos, jogos, vídeo games, eletrônicos, discos, impressos e outros. Clássicos como Atari, Odyssey, Playmobil, Comandos em Ação e Aquaplay conferidos de perto na exposição. Mas, ao contrário da maioria das mostras, nesta o público poderá interagir com os itens em exposição e jogar a vontade jogos clássicos como Fliperama, Master System e até mesmo o Telejogo, além de se divertir com o Pula-Pirata, Cai-Não-Cai, Jogo da Operação, Twister, Pula Pinote e muito mais.
 
 
 
Como nasceu o acervo
 
A mostra surgiu da reunião de amigos que dividiam a mesma paixão pela cultura pop anos 80 e 90. Eles reuniram filmes, quadrinhos, brinquedos, séries, vídeo games, músicas e outros conteúdos relacionados com a época. A vontade de compartilhar esse pedaço da história fez nascer o Clube Máquina Pop, um espaço que reúne a coleção de itens adquiridos ao longo dos anos.
 
O Clube Máquina Pop tem a proposta de resgatar a memória pop dos anos 80/90 através da manutenção e ampliação de um acervo físico de materiais relacionados e a produção de conteúdo cultural como registro histórico de momentos importantes da época.
 
De acordo com os curadores da mostra, o público é variado e vai desde pessoas acima de 35 anos, que viveram sua infância nas décadas de 1980 e 1990, a crianças que se divertem e se encantam com a exposição, que traz brinquedos que não tinham todo o apelo digital dos brinquedos atuais.
 
 
 
 
Serviço: Exposição “I Love Anos 80”
Data: de 01 de dezembro a 31 de janeiro de 2018, diariamente das 10h às 22h.
Local: Ala Norte do Iguatemi Esplanada
Bilheteria no local
 
Endereço Ala Sul: Av. Gisele Constantino, 1850 - Parque Bela Vista – Votorantim
Endereço Ala Norte: Av. Izoraida Marques Peres, 401 - Altos do Campolim - Sorocaba
Informações: (15) 3219.9900 
 
O show desembarca em São Paulo no dia 1 de março no Tom Brasil para uma temporada de quatro semanas, num total de 16 apresentações, seguindo depois em viagem por algumas das principais capitais do país.
 
 
Ausente dos palcos desde 2012, Chico Buarque inicia em dezembro a turnê nacional de Caravanas, título homônimo do álbum lançado em agosto pela Biscoito Finoe apontado pela crítica especializada como um dos melhores da carreira do artista. 
 
 
Compositor, intérprete, dramaturgo e escritor, Chico Buarque é referência obrigatória em qualquer citação à cultura brasileira a partir dos anos 1960. Conforme bem observou o jornalista Fernando Barros e Silva em seu ensaio sobre o artista, “nenhum outro compositor ou escritor contemporâneo resume como Chico Buarque a trajetória do Brasil, de 1964 até hoje.
 
Sua obra não apenas registra e comenta nossa história, mas a revela sob ângulos insuspeitados, amarrando e comunicando a experiência coletiva às verdades mais íntimas de cada um de nós”. Uma obra que produziu e continua produzindo encantamento através de gerações.
 
 
 
 
SERVIÇO:
Quando: Teporada de 1 de março à 1 de abril de 2018 
Quinta e Sexta às 22h00, Sábado às 21h30, Domingo às 18h30
Onde: Tom Brasil - Rua Bragança Paulista, 1281 / SP
 
CLASSIFICAÇÃO: 14 anos - Menores de 14 anos somente acompanhados dos pais ou responsável legal.
 
INGRESSOS: De R$200,00 à R$490,00 
VENDAS: 
BILHETERIA TOM BRASIL - Rua Bragança Paulista, 1281 – Chácara Santo Antônio – São Paulo (SP) Atendimento de segunda a sábado das 10h às 20h; domingo e feriado das 10h às 18h.
Quem analisa a cerveja Belga Trippel com sua cor dourada profunda nem imagina que não é apenas sua pigmentação que é iluminada, mas a sensação de bebê-la também.
 
 
Elaborada na Bélgica, é considerada uma das cervejas de sabor mais incomparável que existe, e faz parte da trilogia belga, composta também pela Enkel, Dubbel e recentemente, a Quadrupel.  
 
 
Em 1934, a cervejaria trapista de Westmalle produziu a "super cerveja", semelhante a que monges produziam desde 1931. Após modificações, a cerveja Trippel nasceu em 1956.
 
Mesmo assim, a Trippel moderna é a mais nova da trilogia e está entre as cervejas belgas mais fabricadas no mundo. Além disso, o sabor incomparável e diferenciado de cada uma das cervejas dessa trilogia faz com que haja um mistério em sua composição e na maneira de produção, nas quais os monges eram especialistas.
 
A classificação também é um mistério. Porém, uma das teorias é de que os monges as classificaram quanto a seu teor alcoólico. A Enkel, a mais básica; Dubbel, média; e a Trippel, forte. Já, o termo Quadruppel foi criado recentemente para designar cervejas de alto teor alcoólico.
 
Entretanto, uma outra alternativa "paira no ar" e nada tem a ver com o volume alcoólico, mas sim com a sequência que as cervejas foram criadas. A cerveja Dubbel sendo o segundo estilo a ser feito no mosteiro, a Trippel como terceira e a Quadruppel como a quarta cerveja.
 
Outra especulação é em relação a quantidade de malte utilizado na composição dessas cervejas. O que não se pode discutir é que a Trippel veio de um país considerado o paraíso cervejeiro e seria difícil seu sabor não ser especial e apreciado.
 
 
Fonte: VALBIER
 
 

O show irá acontecer no Estádio do Maracanã, dia 21 de março e Royal Blood será a banda de abertura da noite
 
Depois de ser anunciado como headliner na edição do Lollapalooza Brasil 2018, o Pearl Jam volta ao Rio de Janeiro.  Em sua última visita, a banda esgotou os ingressos de sua apresentação no Estádio do Maracanã (mais de 60 mil pessoas), e agora eles voltam para uma apresentação única no mesmo local, marcada para o dia 21 de março de 2018, com a abertura do Royal Blood.
 
2015 foi o ano que marcou os 25 anos de Pearl Jam ao vivo. A banda, depois do lançamento de dez álbuns de estúdio e centenas de shows únicos, continua a ser aclamada pela crítica e comercialmente bem-sucedida - com mais de 60 milhões de álbuns vendidos em todo o mundo. Em abril deste ano (2017), o Pearl Jam foi induzido no Rock and Roll Hall of Fame.
 
O Pearl Jam lançou o 10º álbum de estúdio, Lightning Bolt, em outubro de 2013, pela Monkeywrench Records/Republic Records. Lightning Bolt foi premiado com um Grammy, estreou no 1º lugar da Billboard Top 200 e na 1ª posição do iTunes em mais de 50 países.
 
Em comemoração às lendárias performances de Pearl Jam no Wrigley Field nos dias 20 e 22 de agosto de 2016, durante a temporada histórica do Campeonato Mundial do Chicago Cubs, Pearl Jam lançou recentemente o documentário Let's Play Two e o álbum de trilha sonora. Detalhes completos em www.letsplaytwofilm.com.
 
 
 
 
Serviço: PEARL JAM
Data: Quarta-feira, 21 de março de 2018
Local: Rua Professor Eurico Rabelo - Maracanã, Rio de Janeiro - RJ
Abertura dos portões: 16h
Horário Royal Blood: 19h30
Horário Pearl Jam: 21h
Capacidade: 65.620 pessoas
Classificação etária: De 10 a 13 anos é permitida a entrada acompanhado de um responsável. A partir de 14 anos é permitida a entrada desacompanhado.
 
fã-clube oficial contará com pré-venda exclusiva entre os dias 06 07 de novembro. Clientes cartão Elo contarão com pré-venda exclusiva entre os dias 08 e 09 de novembro, começando 00h do dia 08 pela internet (http://www.ticketsforfun.com.br/), e 10h na bilheteria oficial (sem taxa de conveniência
 
Ingressos: a partir de R$ 110,00 
 
BILHETERIA OFICIAL – SEM TAXA DE CONVENIÊNCIA
Km de Vantagens Hall RJ: Segundas -feiras: Fechada
                                               Terças-feiras a sábados, das 12h às 20h
                                               Domingos e feriados, das 13h às 20h
Av. Ayrton Senna, 3000 - Shopping Via Parque - Barra da Tijuca.
 
*Excepcionalmente no dia 8, a bilheteria funcionará das 10h às 18h.
 
LOCAIS DE VENDA – COM TAXA DE CONVENIÊNCIA
Pela Internet: www.ticketsforfun.com.br
Taxas de conveniência e de retirada.